Dra Fernanda Nassar

Estética e câncer: autoestima durante o tratamento.

O diagnóstico do câncer representa, sem dúvidas, o início de uma nova fase na vida de qualquer pessoa. Muitas delas são tomadas por sentimentos negativos, em função do medo do desconhecido, das consequências do tratamento e até das alterações estéticas que o procedimento pode trazer ao corpo, em uma sociedade que valoriza tanto o visual. O câncer pode sim abalar a autoestima e a forma como a pessoa se enxerga.

Muitos pacientes perdem os cabelos durante o tratamento quimioterápico – e isso vale para mulheres e homens – mas a vaidade feminina sempre é maior. Além disso, há cirurgias que provocam modificações físicas que também podem resultar na redução da autoestima.

Como lidar com o câncer sem deixar a autoestima ser abalada?

A perda da autoestima pode desencadear um quadro depressivo, dificultando o tratamento, o que pode afetar ainda mais a qualidade de vida do paciente. Por isso, ao ser diagnosticada com câncer, uma ajuda excelente é buscar o suporte da família e amigos, para se ter a certeza de que não está sozinha nessa.

Em grande parte dos casos, as mudanças na aparência durante o tratamento são temporárias e podem, no caso das mulheres, ser amenizadas com a utilização de perucas, lenços, maquiagens, entre outros recursos. É hora de usar a criatividade e não se deixar abalar.

A internet pode ser uma excelente aliada, pois há vários sites confiáveis que apresentam dicas de moda para pacientes que realizam tratamentos. Mas cuidado com as fontes de pesquisa, pois há fóruns com muitas informações equivocadas e até maldosas.

Os tratamentos são cada vez menos invasivos e dolorosos e as chances de recuperação são cada vez maiores, principalmente se o paciente lida emocionalmente bem com a situação.

A perda dos cabelos, o ganho ou perda de peso e outros efeitos colaterais estão mais fáceis de serem lidados, por isso os pacientes devem manter a positividade e a autoestima para que o período de tratamento não traga mais problemas para o seu cotidiano.

Quais tratamentos estéticos podem ser realizados durante o tratamento?

De acordo com especialistas, o paciente de câncer tratado pode se submeter a qualquer tipo de tratamento estético, pelo menos em doses terapêuticas e por um tempo considerado normal de acompanhamento. É fundamental, claro, uma avaliação minuciosa deste paciente e de suas possíveis sequelas para definir um procedimento adequado.

Com relação à drenagem linfática, existem médicos que afirmam que nosso organismo está em constante processo de drenagem linfática e que não é a massagem que vai disseminar o câncer. Segundo eles, se a célula neoplásica estiver circulando pelo sistema linfático, ela vai se disseminar se o sistema imunológico da paciente não estiver em boas condições e não pela massagem.

Pacientes que fizeram radioterapia também podem passar por procedimentos estéticos, mas devem se ter o cuidado em relação à pele, por exemplo, caso ainda apresente mudanças na coloração e ressecamento.

O mesmo vale para quem fez quimioterapia, mas é fundamental que as sequelas da quimio sejam avaliadas, principalmente as da pele.
Os tratamentos a laser e o peeling também podem ser realizados em muitos casos, mas necessitam avaliação prévia do profissional que estará acompanhando. Sempre é importante dar atenção às sequelas deixadas pelo tratamento do câncer.

Já a limpeza de pele é bastante simples e pode ser realizada, mas deve-se ter muito cuidado com o estado da pele e com a extração para evitar contaminações. É importante que o esteticista se informe do estado do paciente caso ele tenha tratado o câncer recentemente.

Em se tratando de radiofrequência, aparelhos de ondas sonoras e luz pulsada, muitos médicos também asseguram serem indicados ao paciente de câncer já tratado. O mesmo não vale para os tratamentos a laser, pois dependem de que tipo de laser será usado, de que potência e comprimento de onda.

Já a depilação a laser pode ser feita por equipamentos de diferentes comprimentos de onda e formas de ação, inclusive alguns aparelhos não são lasers, são aparelhos de Luz pulsada. É importante saber que tipo de equipamento será utilizado e quais os cuidados que o profissional deve ter em relação ao paciente tratado de câncer.

Recorra à uma clínica de estética de confiança!

Seja qual for o procedimento estético, é possível manter a autoestima elevada durante o tratamento de câncer, mas é fundamental a escolha de um profissional sério e uma clínica de estética de renome, para não causar ainda mais danos à saúde.

É importante reforçar que a má utilização dos equipamentos para tratamentos estéticos será prejudicial não só aos pacientes tratados de câncer, mas a qualquer pessoa que esteja expondo seu corpo a estas maquinas.

A Clínica de Estética Senses trabalha com seriedade e oferece infraestrutura moderna e de qualidade, com profissionais capacitados para tratamentos estéticos, como por exemplo: CriolipóliseCriofrequênciaOzonioterapia entre outros.

Entre em contato com a nossa equipe através do telefone (13) 3301-5143, WhatsApp ou preenchendo o formulário do site e agende sua avaliação!

_____

A Clínica Senses está localizada em Santos/SP, com uma infraestrutura moderna e de qualidade, atuando como clínica estética e consultório médico.Realiza procedimentos estéticos como: criolipólise, ozonioterapia, criofrequência, tratamento para gordura localizada, entre outros. Já seu consultório médico é especializado em tratamentos ginecológicos e obstetrícia.

 

  • Compartilhar:
WhatsApp